#Empreendedorismo #Estratégico #Inovação #Processos

Disney e seus ensinamentos sobre reconstrução

Ao falarmos da companhia Walt Disney, idealizamos em nossa mente uma empresa com uma enorme supremacia e com inexistência de erros, o verdadeiro empreendimento dos sonhos. Mas, no entanto, o que poucos sabem é que nessa longa trajetória, tiveram anos de altos e baixos, inclusive uma era das trevas em que a Disney teve que […]

Por Roberto Lourenço

Disney e seus ensinamentos sobre reconstrução

Ao falarmos da companhia Walt Disney, idealizamos em nossa mente uma empresa com uma enorme supremacia e com inexistência de erros, o verdadeiro empreendimento dos sonhos. Mas, no entanto, o que poucos sabem é que nessa longa trajetória, tiveram anos de altos e baixos, inclusive uma era das trevas em que a Disney teve que se reinventar para sair dessa terrível fase, renascendo do fundo do oceano com a Pequena Sereia.

A Disney

A Disney é a melhor representação da palavra empreendedorismo, está sempre buscando resolver problemas e crescer no cenário mundial. A The Walt Disney Company teve sua fundação em 1923 pelos irmãos Walt Disney e Roy Oliver Disney. A empresa nasceu como pioneira no mercado de animação e ao longo do tempo ampliou sua participação na indústria. Dessa maneira, se tornou a gigante do entretenimento que todos conhecem.
Hoje, a Disney opera redes de televisão pagas, expandiu seu negócio para o teatro, música, rádio, além do mais famoso parque temático do mundo. O seu principal objetivo é “tornar as pessoas felizes”.

Início

O nascimento da Disney aconteceu após a falência da primeira empresa do irmão Walt Disney. Sim, essa grande corporação surgiu após uma tentativa que não deu certo, muito parecido com a realidade, não é?! Os irmãos Disney se reuniram em Hollywood e decidiram criar a Disney Brothers Animation Studios. Logo iniciaram uma série de desenhos animados estrelados pelo seu primeiro personagem principal, Oswald, o Coelho Sortudo, em parceria com MJ Winkler Productions. No entanto, após a tentativa de compra da Disney por parte da Winker, os irmãos perderam o direito sobre o Oswald e ainda viram 4 dos seus animadores migrarem para a sua ex-sócia. Um início complicado de empreendedorismo, embora não tenha sido o suficiente para fazer com que os irmãos desistissem de fazer do empreendimento. Logo depois, nasceu o Mickey Mouse e a magia começou…

Trevas

Após muitos anos de crescimento e sucesso, a Disney conheceu a sua pior fase desde a sua criação, a era das trevas, de 1966 a 1988. A morte de Walt Disney foi um dos principais motivos para a decadência, afinal, todo empreendimento sofre com a perda do seu dono. No entanto, antes de sua morte, Walt Disney fez uma escolha de economizar na produção após algumas tentativas de filmes não terem gerado o resultado esperado. A xerografia –  técnica que permitia que os desenhos fossem copiados direto nas células, substituiu o trabalho a mão. Nesse sentido, com o objetivo de diminuir os gastos e o tempo de trabalho. Entretanto, infelizmente, essa escolha acabou reduzindo a qualidade de produção dos filmes também.

Após adotar essa política de encolhimento de gastos, a companhia perdeu o seu principal produtor, Donald virgil Bluth, e toda a equipe que trabalhava com ele. Buth saiu da companhia e começou a emplacar diversos sucessos no cinema, principalmente após adotar a estratégia do Oceano Azul x Oceano vermelho (fique por dentro da estratégia dos oceanos com nosso artigo), virando o principal concorrente da companhia. Enquanto a concorrência crescia, a Disney ia ficando cada vez mais para trás.

Processo de Renascimento

A era do renascimento começou em 1989 e foi finalizada em 1999, mas foi em 1984 que a Disney começou uma mudança na sua história. A companhia passou por uma reestruturação administrativa, organizando cargos e estruturando toda a empresa, foi feito todo um planejamento na companhia.

Com o fracasso do filme Caldeirão Mágico, a perda de dinheiro foi incontável, o que fez com que a companhia diminuísse seu departamento, transferindo-o para um armazém. Nada de novo foi feito, muito pelo contrário, a Disney buscou resgatar suas origens que fizeram a empresa crescer. Após todo planejamento de processos que visava resgatar a identidade que havia sido perdida, em 1989, nasce uma pequena sereia do fundo do oceano. Dessa forma, foi valorizado os processos manuais em que cada bolha do enorme oceano foi feita à mão; uma demonstração de carinho e atenção.

O Sucesso

O sucesso da Disney se expande a cada dia mais, principalmente pelo seu olhar empreendedor ao redor do mundo. A companhia reforça o olhar para os processos e estratégias dentro da empresa, principalmente no marketing com seus inesquecíveis personagens. Disney e empreendedorismo são sinônimos.

Os estúdios Disney, como qualquer outra empresa, enfrentou as mesmas dificuldades que todos os empreendimentos enfrentam, embora, o seu diferencial foi ter conseguido avaliar os seus erros e corrigi-los. Hoje, ela é a capital do entretenimento, espalhando magia ao redor do mundo. Uma empresa de consultoria pode te ajudar a realizar novos processos e estratégias para dentro da sua empresa, assim como essa gigante da diversão conseguiu fazer. A Pacto Consultoria está aqui para te ajudar a sair do fundo do oceano e cantar belas canções, assim como a Pequena Sereia.

VEJA TAMBÉM

7 lições que “High School Musical: A Série” ensina sobre negócios
#Blog #Entretenimento #Estratégico #Inovação

Por Roberto Lourenço

7 lições que “High School Musical: A Série” ensina sobre negócios

Como adaptar sua empresa a transformação digital
#Empreendedorismo #Estratégico #Inovação #Marketing

Por Roberto Lourenço

Como adaptar sua empresa a transformação digital

importância estratégica dos 4’Ps do marketing no seu negócio
#Blog #Empreendedorismo #Estratégico #Inovação #Marketing

Por Roberto Lourenço

importância estratégica dos 4’Ps do marketing no seu negócio

Controle Financeiro: 4 tipos que você deve ficar atento
#Empreendedorismo #Estratégico #Financeiro

Por Roberto Lourenço

Controle Financeiro: 4 tipos que você deve ficar atento

CONTEÚDO ONLINE